© Reprodução

Justiça determina reestabelecimento de remédios gratuitos em Itinga do Maranhão


A Justiça determinou que a Prefeitura de Itinga do Maranhão, a 615 km de São Luís, reestabeleça no prazo de 48 horas o fornecimento gratuito de medicamentos de uso contínuo a quem precisar. A decisão foi baseada em uma Ação Civil Pública (ACP) proposta pelo Ministério Público do Maranhão (MP-MA).

BUSINESS CARD

O seu cartão de negócios

Segundo o órgão ministerial, a Procuradoria do Município informou ao MP que o Executivo Municipal realizaria licitação para a compra de medicamentos e que, por esta razão, a entrega de remédios de uso contínuo à população estaria suspensa por 60 dias.

Na Ação, o promotor de justiça Tiago Quintanilha Nogueira ressaltou que a saúde é um direito fundamental do ser humano, devendo o Estado oferecer as condições indispensáveis ao seu pleno exercício, conforme prevê a Constituição Federal.

Em caso de descumprimento da decisão, foi determinada multa diária no valor de R$ 2 mil, a ser paga pessoalmente pelo prefeito Lúcio Flávio Araújo Oliveira e pela secretária municipal de Saúde, Adriana da Silva Gomes.

Da redação. Com informações G1 de São Luis – MA.