Go to ...

Jornal Liberdade

Últimas notícias do Brasil e do mundo

RSS Feed

julho 28, 2021

© Reuters

Menina morre ao percorrer 322 quilômetros a pé para chegar em casa


Uma menina de 12 anos morreu na Índia ao percorrer a pé  322 quilômetros para voltar para casa durante a quarentena, segundo a CNN. Jamlo Madkam morreu quando estava já a uma hora de casa.

A menina trabalhava nos campos de pimenta da aldeia de Perur, no estado de Telengana. O período de quarentena inicialmente decretado pelo governo indiano deveria ter terminado no dia 14 de abril, mas o primeiro-ministro da Índia Narendra Modi decidiu prolongá-lo até ao dia 3 de maio.

No dia 15 de abril, Jamlo e mais 11 pessoas, iniciaram o percurso de volta para casa, mais concretamente para o estado de Chattisgarh. Decidiram pelo retorno porque ficaram sem trabalho e não sabiam por quanto tempo a quarentena poderia durar na Índia.

Com os transportes parados, mais especificamente os trens, um meio de transporte essencial na Índia, muitos destes trabalhadores têm percorrido grandes distâncias a pé.

Jamlo Madkam morreu três dias após de ter iniciado o percurso. “Eles atravessaram terreno montanhoso para evitar as barreiras policiais (…) Disseram que Jamlo não tinha comido nada nessa manhã porque tinha dores de estômago e tinha vomitado. Suspeitamos que um desequilíbrio de eletrólitos juntamente com a exaustão tenham causado a sua morte”, afirmou B. R. Punjari, médico do distrito onde morava a criança.

Análises pós-morte indicaram que a menina não havia contraído o novo coronavírus.

As informações são da CNN.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Mais posts de Mundo

E-mail: Jornal Liberdade,