Go to ...

Jornal Liberdade

Últimas notícias do Brasil e do mundo

RSS Feed

setembro 16, 2021

©Divulgação

Polícia cumpre mandados contra criminosos que se passavam por agentes do Ministério da Saúde para aplicar ‘golpe da Covid’


Policiais civis da Divisão Especializada de Investigações Criminais (Deic) de Sorocaba (SP) cumprem, na manhã desta segunda-feira (13), mandados contra suspeitos de uma quadrilha que se passavam por agentes do Ministério da Saúde para roubar dados pessoais e aplicar golpes em moradores.

Anúncios

De acordo com a polícia, são 16 mandados no total, 11 de busca e apreensão e cinco de prisão. As investigações começaram em Sorocaba, onde algumas vítimas foram identificadas.

Conforme a polícia, os criminosos se passavam por funcionários do Ministério da Saúde e diziam que estavam fazendo uma pesquisa sobre o novo coronavírus para tentar clonar o WhatsApp da vítima.

Os golpistas faziam perguntas sobre o perfil da pessoa e, em seguida, enviavam números dizendo que são o protocolo de atendimento. Na verdade, o que ele está enviando são dígitos que, uma vez compartilhados, permitem acesso ao WhatsApp da vítima.

Com isso, os suspeitos pediam dinheiro em nome dela para parentes e amigos.

Com informações da TV TEM.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Mais posts de Justiça

E-mail: Jornal Liberdade,