Go to ...

Jornal Liberdade

Últimas notícias do Brasil e do mundo

RSS Feed

NOTÍCIAS DE ÚLTIMA HORA

CÂMBIO: Dólar Comercial R$ 5,64 / Euro R$ 6,57

setembro 29, 2020

Kai Pfaffenbach/Reuters

Liverpool sofre, mas marca no fim e decidirá o Mundial com o Flamengo


Foi mais difícil do que a gente imaginava, mas o Liverpool está na final do Mundial de Clubes. Graças a um gol de Roberto Firmino nos acréscimos do segundo tempo, a equipe inglesa venceu o Monterrey por 2 a 1 na quarta-feira (18/12), em Doha, no Qatar.

Com a vitória, o Liverpool encara agora o Flamengo, na tarde de sábado, para conhecermos o novo campeão mundial. Já o Monterrey também joga no sábado, horas mais cedo, contra o Al-Hilal, para decidir o terceiro colocado do torneio.

O jogo
Por causa da exaustiva sequência de partidas na Inglaterra e a longa viagem até o Qatar, Jurgen Klopp decidiu poupar alguns jogadores para a semifinal. E o Liverpool sentiu, deixando muito espaço para o Monterrey atacar.

O time inglês abriu o placar na qualidade técnica. Aos 11, Salah deu belo passe em profundidade para Keita, que saiu na cara do goleiro e não desperduiçou.

Mas a vantagem durou pouco. Dois minutos mais tarde, Funes Mori empatou para os mexicanos. Alisson rebateu chute cruzado e o atacante só teve o trabalho de rolar a bola para o gol.

O Monterrey quase virou aos 26. Pabón, ex-jogador do São Paulo, recebeu na direita e bateu forte, obrigando Alisson a fazer grande defesa. Aos 36, o goleiro voltou a salvar o Liverpool.

Os ingleses só voltaram a assustar aos 42. Oxlade-Chamberlain encontrou Keita em ótima condição. O camisa 8 foi tentar driblar Barovero e acabou perdendo a chance.

O segundo tempo começou e Pabón voltou a assustar o Liverpool. Em cobrança de falta de muito longe, o colombiano bateu forte e Alisson mais uma vez fez difícil defesa.

E se Pabón era quem mais dava trabalho pelo Monterrey, era Keita quem mais assustava pelo time inglês. Aos 12, ele fez bela jogada individual e bateu firme, com Barovero evitando o gol.

Aos 22, Funes Mori chutou de fora da área e Alisson teve que trabalhar mais uma vez.

A dificuldade no jogo fez Klopp apostar em alguns titulares que estavam no banco de reservas e Sadio Mané, Alexander-Arnold e Roberto Firmino entraram.

E as alterações deram certo. Já nos acréscimos, quando parecia que a partida iria para a prorrogação, Roberto Firmino recebeu passe de Arnold após grande jogada de Salah e colocou o Liverpool na final do Mundial.

MONTERREY 1X2 LIVERPOOL

Estádio: Internacional Khalifa, em Doha (QAT)
Data-Hora: 18/12/2019, às 14h30 (de Brasília)
Árbitro: Roberto Tobar (CHI)
Assistentes: Christian Schiemann (CHI) e Claudio Alejandro Rios Ortiz (CHI)
VAR: Esteban Ostojich (URU)
Público/Renda: 45. 416 / Renda não divulgada.
Cartões amarelos: Vangioni, Gallardo e Antonio Mohamed (MON); Joe Gomez e Jurgen Klopp (LIV)
GOLS: Keita (0-1, 12’/1ºT), Funes Mori (1-1, 14’/1ºT) e Roberto Firmino (1-2, 46’/2ºT)

MONTERREY
Barovero; Medina, Nico Sánchez, Montes (Layún, 34’/2ºT) e Vangioni; Ortiz, Carlos Rodríguez, Pizarro (Gonzalez, 45’/2ºT) e Gallardo; Funes Mori e Pabón (Meza, 37’/2ºT) – Técnico: Antonio Mohamed

LIVERPOOL
Alisson; Milner (Alexander-Arnold, 29’/2ºT), Joe Gomez, Henderson e Robertson; Keita, Oxlade-Chamberlain, Lallana e Shaqiri (Mané, 23’/2ºT); Salah e Origi (Roberto Firmino, 39’/2ºT)- Técnico: Jurgen Klopp

Gabigol e Rafaella passeiam por Doha com Arrascaeta e esposa.

As informações são do R7.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais posts de Esportes

E-mail: Joshua Silva,