© Reuters

Bolsonaro: puseram questão do fura-teto e imprensa ‘demitiu’ Guedes


O presidente Jair Bolsonaro classificou na quinta, (20/08), em transmissão ao vivo nas redes sociais como notícia falsa a abordagem sobre sua fala na semana passada em relação a furar o teto de gastos públicos. Há uma semana, o chefe do Planalto admitiu que existe no governo a ideia de descumprir o mecanismo.

“A ideia de furar o teto existe, o pessoal debate. Qual o problema?”, questionou Bolsonaro durante transmissão semanal nas redes sociais no último dia 13.

Nesta quinta-feira, 20, porém, Bolsonaro afirmou que a abordagem sobre sua fala foi falsa. “A imprensa demitiu o Paulo Guedes, o mercado ficou nervoso, o dólar caiu, a bolsa subiu…”, declarou o presidente, classificando a notícia do “fura teto” como fake news.

Casos de covid-19 no Planalto

Bolsonaro afirmou que a maioria dos ministros e dos servidores públicos do Palácio do Planalto diagnosticados com o novo coronavírus teria tomado cloroquina, segundo ele com recomendação médica.

“Zero óbito por covid-19. Não tive conhecimento de gente desse grupo ter sido baixada a hospital, a UTI”, comentou. O medicamento não tem eficácia comprovada no tratamento da doença, e há até estudos que atestam a sua ineficácia em pacientes do coronavírus.

As informações são do Estadão Conteúdo.