© William Batista/RPC

Polícia Civil a fazer buscas em gabinete e casa de vereador de Guarapuava, região central do Paraná


Endereços ligados a um vereador de Guarapuava, na região central do Paraná, foram alvos de mandados de busca e apreensão, na manhã desta quarta-feira (18), durante uma operação da Polícia Civil. Segundo as investigações, há suspeita da prática de “rachadinha”.

Até a publicação desta reportagem o nome do vereador não havia sido divulgado pela polícia.

A prática de “rachadinha” é conhecida pela exigência de parte do salário de um servidor público feita por meio de outro agente público, como políticos.

No caso, de Guarapuava, a Polícia Civil informou que uma servidora fez uma denúncia afirmando que estavam exigindo parte do salário dela sob ameaça de exoneração.

Ao todo, três mandados de busca e apreensão foram cumpridos, sendo dois na casa e no gabinete do vereador na Câmara de Guarapuava, além da residência de um terceiro investigado.

A polícia disse que o material apreendido será analisado.

As informações são do RPC Guarapuava