Go to ...

Jornal Liberdade

Últimas notícias do Brasil e do mundo

RSS Feed

julho 27, 2021

Foto: TV Cabo Branco/Reprodução

Pessoas ficam mais de 15 horas em fila para obter documentos oficiais em mutirão de João Pessoa


Uma fila foi formada ainda na tarde da segunda-feira (21/09) para o segundo dia do mutirão de emissão de documentos oficiais, que está sendo organizado pelo Governo da Paraíba no Espaço Cultural José Lins do Rêgo, em João Pessoa. Os atendimentos só seriam iniciados às 8h da terça-feira (22/09), mas as pessoas que ocupam os primeiros lugares da fila relataram que chegaram ao local entre 16h e 18h do dia anterior, passando assim toda a noite no local.

Dois perfis principais de pessoas tomaram tal decisão: aquelas que têm urgência para conseguir o documento para, por exemplo, conseguir sacar algum benefício do Governo Federal; aquelas que não são de João Pessoa, tentaram sem sucesso ser atendidas na segunda-feira (21/09), e não quiserem voltar para suas respectivas cidades sem os documentos.

No primeiro dia de mutirão, muita confusão foi registrada. A presença de usuários interessados em atendimento ficou bem acima da expectativa dos organizadores do mutirão e houve aglomeração, tumulto, reclamações. Muitos saíram sem atendimento, já que há um limite de 150 atendimentos por dia.

A propósito, para minimizar os problemas, o Governo anunciou uma ampliação no mutirão. Antes programado para acontecer de segunda à sexta até o dia 2 de outubro, agora o atendimento vai ser realizado também nos sábados e domingos e vai ser expandido a princípio até o dia 4. Na prática, isso significa mais quatro dias de atendimento, o que indica 600 novos atendimentos.

O mutirão foi pensado por causa da alta demanda acumulada devido ao fechamento por seis meses das casas da cidadania, motivado pela pandemia de coronavírus.

Essas agências de João Pessoa, inclusive, vão ser reabertas na terça-feira (22/09). Mas, ao contrário do que acontece no mutirão, em que é respeitado a ordem de chegada, nas agências o atendimento deve ser previamente agendado.

As informações são do G1.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Mais posts de Brasil

E-mail: Jornal Liberdade,