Go to ...

Jornal Liberdade

Últimas notícias do Brasil e do mundo

RSS Feed

NOTÍCIAS DE ÚLTIMA HORA

CÂMBIO: Dólar Comercial R$ 5,64 / Euro R$ 6,57

setembro 29, 2020

© Reprodução

INSS: 5 mudanças importantes para aposentados e pensionistas


Aposentados, pensionistas ou quem recebe algum tipo de benefício como BPC ou auxílios pagos pelo Instituto Nacional de Seguro Social (INSS) devem ficar atentos as mudanças neste ano de 2020.

Ao todo serão 5 mudanças importantes em 2020. Confira abaixo:

1) Mudança de pagamento com cartão

A partir deste todos os novos pagamentos serão feitos automaticamente por cartão magnético, segundo informou o INSS. Esse cartão terá as mesmas funções de um cartão de débito, e o segurado não será mais obrigado a abrir uma conta-corrente em um banco, como se fazia até dezembro de 2019. Com isso, não será cobrada nenhuma taxa ou anuidade do segurado.

Como vai ser a partir de 2020?

  • O INSS vai modificar a forma de pagamento do primeiro benefício para aposentados e pensionistas
  • A alteração deverá começar a valer em 2020, conforme anunciou o órgão
  • O segurado vai poder utilizar o cartão-benefício para fazer compras no débito automático
  • Dessa forma, não precisará sacar o dinheiro todo de uma só vez
  • Além disso, os beneficiários não precisarão abrir uma conta-corrente para ter direito ao débito
  • O cartão estará atrelado à conta-benefício
  • Por isso, não será cobrada nenhuma taxa ou anuidade do segurado.
  • O INSS diz que a medida trará mais segurança ao segurado, que não precisará sair das agências com todo o valor do benefício em mãos

2) Novo jeito de fazer Prova de Vida sem sair de casa

O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) já está implantando de forma definitiva o recadastramento da (prova de vida) por biometria em 2020, que será feita por meio da impressão digital do beneficiário, sem precisar sair de casa. Entenda como vai funcionar e quem terá direito.

A nova função será disponibilizada no aplicativo Meu INSS, que pode seja baixado gratuitamente em qualquer aparelho celular. Desta forma, o segurado do INSS não precisará mais sair de casa para provar que está vivo. Todo procedimento será realizado de forma fácil e prática. Ou seja, cerca 35 milhões de beneficiários poderão realizar a prova de vida sem sair de casa, pelo celular.

3) Mudança no atendimento por telefone

O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), também informou que realizou algumas manduças em sua Central de atendimento. O órgão disse que a partir deste ano, os pedidos de Certidão para saque de PIS, PASEP e FGTS devem ser feitos exclusivamente pelo telefone 135.

Da mesma forma, os cidadãos também não devem se dirigir às agências para atualizar dados do Imposto de Renda Direto na Fonte (DIRF) e pedir cópia de processo, ambos no caso de titular falecido. Todos esses serviços estão disponíveis apenas pela Central de Atendimento 135. A ligação para o número 135 do telefone fixo é de graça e o horário de atendimento é de segunda a sábado, de 7h às 22h. Já o atendimento eletrônico é 24 horas.

4) Atualização de dados

As pessoas que recebem algum benefício do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), como aposentados e pensionistas, devem manter seus dados de contato, como endereço, telefone e e-mail, sempre atualizados junto à instituição. A informação foi divulgada polo INSS. A atualização pode ser feita através do Meu INSS (gov.br/meuinss) ou da Central Telefônica 135.

No Meu INSS, é necessário fazer login, com uso do CPF e senha. Na coluna à esquerda, o beneficiário deve clicar em “Alterar dados de contato”. Em seguida, abrirá uma tela com os campos de endereço, e-mail e telefone, que podem ser atualizados pelo usuário.

Esse serviço também está disponível na Central 135, que funciona de segunda a sábado, de 7h às 22h. É necessário informar dados como número do benefício, data de nascimento, CEP, nome completo e CPF do beneficiário para realizar a atualização.

5) Aumento | Novo valor dos salários pagos pelo INSS

Os novos valores dos benefícios dos aposentados, pensionistas e segurados que recebem auxílios do INSS teve mudança e começam a ser pagos a partir do dia 19 de fevereiro.

Aposentados, pensionistas e demais beneficiários do INSS começarão a receber o novo salário mínimo de R$ 1.045 a partir da folha de pagamentos de fevereiro, cujos depósitos terão início no dia 19 do mês que vem, informou o INSS (Instituto Nacional do Seguro Social).

Benefícios da folha de janeiro, com início no próximo dia 27, ainda serão pagos com o valor de R$ 1.039 para segurados que recebem o piso.

A confirmação do início do pagamento do novo piso do INSS ocorre após a gestão do presidente Jair Bolsonaro ter informado que enviará uma nova MP (Medida Provisória) ao Congresso para substituir a proposta anterior do governo, que reajustava o salário mínimo de R$ 998 para R$ 1.039.

O valor de R$ 1.039 para o piso salarial tinha sido definido em dezembro, levando em conta a inflação de janeiro a novembro de 2019, mais uma estimativa para dezembro. Esse cálculo chegou a um índice de correção de 3,86%, mas essa estimativa ficou abaixo do INPC (Índice Nacional de Preços ao Consumidor), que fechou o ano em 4,48%. O governo decidiu então realizar um ajuste no salário mínimo, que resultou no acréscimo de R$ 6 reais, passando a ser R$ 1.045.

Com o reajuste, o teto dos benefícios pagos pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) passa a ser de R$ 6.101,06 (antes era de R$ 5.839,45).

As informações são do Simões Filho Online.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais posts de Brasil

E-mail: Jornal Liberdade,