Go to ...

Jornal Liberdade

Últimas notícias do Brasil e do mundo

RSS Feed

julho 31, 2021

© Reprodução

Ex-atriz pornô Mia Khalifa envia mensagem a Randolfe após ser citada


A ex-atriz pornô Mia Khalifa voltou a “interagir” com o tema CPI da Covid em suas redes sociais. Neste domingo, ela respondeu um tuíte do senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP), vice-presidente da Comissão Parlamentar de Inquérito: “Vocês estão em uma crise… Estou a caminho”, disse ela, com emojis de avião e mala de viagem. A postagem de Randolfe dizia respeito à investigação que aponta que Eduardo Pazuello, ainda como ministro da Saúde, teria negociado a compra de vacinas com a a importadora catarinense World Brands, que tem em seu variado cadastro de atividades e negócios “itens de sex shop”.

 

“Em vez de negociar com o Butantan, Pazuello foi negociar a Coronavac com uma empresa de importação de produtos eróticos… Corre aqui @miakhalifa! Acho que estavam te usando de cortina de fumaça!”, ironizou Randolfe em sua conta no Twitter. Após o comentário de Mia, o senador ainda respondeu: “We are waiting for you!” (Nós estamos esperando você).

Figura conhecida pelos brasileiros por aparecer em textos com informações falsas circulando nas redes sociais, em outra ocasião Mia já tinha reagido às menções a seu nome por senadores na CPI, postando uma montagem dela própria como se estivesse prestando depoimento. A postagem, em que ela escreveu “a mulher do povo”, viralizou instantaneamente e virou meme.

A publicação da influenciadora foi feita em resposta a um usuário do Twitter que afirmou, em inglês, que “ela ainda encontra tempo para salvar o Brasil da Covid”. O comentário dele referiu-se à reação de Mia à nova série do serviço de streaming Disney+ “Loki” a qual ela sugeriu que maratonaria, dizendo “café, Loki, dormir, repetir”.

Rapidamente, seguidores brasileiros de Mia movimentaram o microblog com uma enxurrada de memes e comentários irônicos.

O nome envolvimento de Mia no contexto da CPI surgiu depois que o senador Luis Carlos Heinze (PP-RS) abordou uma pesquisa publicada na revista científica The Lancet que passou por retratação após falta de dados. Quando o parlamentar comenta o assunto, ele reforça a versão de que tal pesquisa teria sido encomendada por uma empresa chamada Surgisphere, onde trabalharia, segundo ele, uma atriz pornô.

Informações  MN.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Mais posts de Brasil

E-mail: Jornal Liberdade,