Go to ...

Jornal Liberdade

Últimas notícias do Brasil e do mundo

RSS Feed

NOTÍCIAS DE ÚLTIMA HORA

Câmbio: Dólar R$ 3,78 / Euro R$ 4,30

março 20, 2019

© Reprodução / TV Mirante

Estudantes reclamam da falta de transporte escolar no Maranhão


Os estudantes do povoado Recurso, que fica na zona rural e a cerca de 9 km da sede do município de Codó, a 290 km de São Luís, estão reclamando da falta de transporte escolar. Segundo os estudantes, os pais estão tendo que pagar transporte particular para que eles não fiquem sem aula neste fim de ano letivo.

O povoado Recurso possui vários alunos que pertencem ao ensino fundamental e médio que dependem do transporte escolar fornecido pela Prefeitura. No entanto, nesta semana os estudantes que moram no Povoado Recurso passaram a enfrentar dificuldades para ir a cidade e ter acesso as atividades escolares porque está faltando transporte escolar.

A estudante Joseli Silva afirma que não vai à escola há dois dias por não ter dinheiro para pagar um transporte particular. “Minha mãe não tinha dinheiro para pagar o mototáxi e aí eu tive que ficar em casa. Como é eu e minha irmã é R$ 10 para ir e para voltar”, explica.

Por conta do problema, Joseli conta que já perdeu dois trabalhos de fim de ano e não há como recuperar as notas. “Porque a professora falou que já está no final do ano e como a gente está atrasado por causa da reforma da escola não tem como ela voltar por causa de um aluno. Prejuízo para mim”, disse ao G1.

Os pais denunciam que não é a primeira vez que acontece o problema. A lavradora Maria Domingas reclama que sempre que ocorre a falta de transporte escolar nenhuma explicação não é dada a comunidade por parte da Prefeitura. Ela ressalta que gostaria que o transporte fosse mantido na comunidade, já que no local a maioria dos pais não possuem recursos financeiros.

“Eles tiram o transporte e não falam nadinha. Eu gostaria que mandassem o transporte para levar as crianças para a escola porque você sabe que a gente mora no interior e a gente é obrigado a pagar, quando tem direito, para levar o aluno da gente para a escola, o filho da gente para a escola”, finalizou.

Por meio de nota, a Secretaria de Educação de Codó informou que a partir de quinta-feira (29/11) os alunos voltarão a ter o transporte escolar de volta.

Da redação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais posts de Brasil

E-mail: Jornal Liberdade,